Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2007
Imagem

3ª Conferencia Municipal das Cidades

Divulgação
Adquira os livros que fazem parte da coleção “Cadernos do Instituto José Xavier” (Novos Poetas Granjensese Passagem pela Granja). Envie mensagem para institutojosexavier@yahoo.com.br (ou ligue para o telefone 85 3458 3224 ).

HISTORIETAS DE SEGUNDA-FEIRA

Meu nome é... por: José Xavier Filho
Ele era o José, José de Arimatéia e só. Na idade certa ele foi à escola, aprendeu a ler, escrever, tirar conta, desenhar, rezar, e tudo o mais que se aprende lá. Ele usou esse nome por toda a vida até que precisou tirar uma certidão quando foi fazer exame para a Escola de Aprendizes Marinheiros. Ele mesmo foi tirar o documento, pois seu pai, Raimundo Nonato Mendonça, havia morrido há poucos meses e sua mãe estava adoentada. O velho era um maníaco colecionador de tudo que se possa imaginar. Colecionava até nomes estrambóticos e se divertia dizendo à mulher que se tivesse um outro filho poria um nome tirado de sua coleção se bem que o nome do menino tinha um que de estranho, pois era associado ao Santo Graal. Ela não gostava dessa sugestão, mas nada dizia, pois sabia que não teria mais filhos. Deixava pra lá. No Cartório nem a Gorette, a especialista em certidões, ajudada por sua amiga Elizabete, e até mesmo a dona do cartório, Dona Imelda conseguiram …