Fala granjense: Granja na lista negra do TCM

extraído do site Diariodonordeste.globo.com

Prefeituras ficam sem os benefícios

O governador recebeu a relação dos municípios que não poderão obter recursos extraordinários do Poder estadual

Os municípios cearenses que estiverem em atraso com sua prestação de contas perante o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) estão impedidos de receber recursos do Governo do Estado por intermédio de convênios, contratos ou transferências voluntárias. Isso complica a situação de vários municípios atingidos pelas cheias, apesar das dificuldades enfrentadas por milhares de pessoas.

O governador Cid Gomes foi informado pelo presidente do TCM sobre os municípios em atraso com o Sistema de Informação Municipal (SIM). O ofício do presidente do TCM, Ernesto Sabóia, foi assinado no dia sete deste mês e recebido no dia 12, no Sistema de Protocolo Único da Seplag. No ofício consta a relação dos 43 municípios inadimplentes na data em que foi expedido.

Informatizado

Em seu ofício Ernesto Sabóia lembra que o artigo 42 da Constituição Estadual obriga os Municípios cearenses a remeterem, mensalmente, àquela Corte de Contas, as prestações de contas mensais por meio informatizado. Também transcreve o que o parágrafo 1º do Artigo 42, estabelecendo que: “A inobservância do disposto neste artigo, implicará a proibição para realizar novos convênios e contratos com o Governo Estadual e na suspensão das transferências de receitas voluntárias do Estado para os municípios infratores, sem prejuízo das demais sanções previstas na legislação vigente”.

Os municípios relacionados como inadimplentes até o último dia sete de maio, segundo a relação elaborada pelo Tribunal de Contas, são os seguintes: Abaiara, Acarape, Acaraú, Alcântaras, Altaneira, Apuiarés, Arneiroz, Aurora, Banabuiu, Barroquinha, Baturité, Brejo Santo, Capistrano, Cascavel, Choró, Coreaú, Crato, Cruz, Ererê, Granja, Groaíras, Ibaretama, Icapuí, Icó, Ipaporanga, Itarema, Orós, Pacatuba, Pacoti, Palmácia, Pindoretama, Poranga, Quiterianópolis, Quixeramobim, Santana do Acaraú, São Gonçalo do Amarante, São Luiz do Curu, Senador Sá, Solonópole, Tururu, Umari e Uruburetama.
matéria indicada por:Adriano Teixeira e-mail: adrianofrota@bol.com.br

Comentários

  1. Será que vai acontecer alguma coisa?

    ResponderExcluir
  2. Até que enfim, tomara que desta vez as irregularidades apareçam, como os comentáros que andam à boca pequena de que as doações de alimentos e de colchões estão sendo desviadas pelos "passa-fome" que babam o moço que se diz senador (nunca será, pede pra sair)

    ResponderExcluir
  3. enquanto isso o filho do prefeito passou os 4 anos na assembleia para seu autor de 4 mediocres projetos:

    Projeto de Lei 147/2007 – Aprovado
    DENOMINA RODOVIA ESTADUAL ESMERINO OLIVEIRA ARRUDA COELHO FILHO A RODOVIA QUE INTERLIGA A SEDE DO MUNICÍPIO DE JIJOCA DE JERICOACOARA À SEDE DO MUNICÍPIO DE GRANJA.

    Projeto de Lei 326/2009
    DENOMINA MARIA CARMELITA CARDOSO "DONA BEBITA", A ESCOLA ESTADUAL DE ENSINO MÉDIO, QUE ESTÁ SENDO CONSTRUÍDA NO DISTRITO DE ARAQUÉM NO MUNICÍPIO DE COREAÚ-CE.

    Projeto de Lei 61/2010
    DENOMINA DE PROFESSOR EMMANUEL OLIVEIRA DE ARRUDA COELHO A ESCOLA ESTADUAL DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL (EEEP) QUE SE LOCALIZARÁ NA SEDE DO MUNICÍPIO DE GRANJA.

    Projeto de Lei 22/2009 – Aprovado
    CONCEDE O TÍTULO DE CIDADÃO CEARENSE AO EMPRESÁRIO EIKE FUHRKEN BATISTA.

    FONTE:www.excelencias.org.br

    lamentável

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Olá!
Agradeço pelo comentário.
Sua participações é importante para nosso trabalho Granja Ceará.
Obrigado!

*Comentários anônimos poderão ser recusados/excluídos. Por isso use sempre nome e e-mail válido para comentar.

Não faça comentários de cunho preconceituoso, respeite os Direitos Humanos.

Mais acessadas