Pacientes granjenses são levados de helicóptero

Socorro aeréo para pacientes da Zona Norte

O trabalho de auxílio às vítimas das cheias na região norte tem o apoio helicóptero do Ciopaer, especialmente para os casos de moradores doentes que precisam de socorro imediato. Foi o caso da aposentada Maria das Graças Lima dos Santos, 60 anos, que mora na localidade de Ubatuba, zona rural de Granja. Ela retornava para casa na manhã de ontem depois de passar cinco dias internada no Hospital Municipal Dr. Vicente Arruda. Maria das Graças, que tem diabetes, teve problemas respiratórios devido a uma pneumonia.

“Já transportei cerca de 50 pessoas com problemas de saúde. A maioria das vítimas era criança e apresentava diarréia e febre alta, em consequência de problemas respiratórios”, contou o major Félix Júnior, que comanda o helicóptero. Ele próprio esteve doente em virtude de bactéria transmitida por essas pessoas. “Estive doente nesses últimos dias. Infelizmente está dentro do grau de risco que estamos sujeitos”.

Entre os doentes que já transportou lembra de um caso bastante grave em que uma criança recém-nascida estava com derrame e sangrava muito. “A situação dessa criança mexeu muito comigo”.

Sempre que vão a uma localidade muito distante levando cesta básica, viaja uma equipe médica da cidade. O major Félix informa que é mais seguro, pelo fato da equipe de saúde avaliar o quadro clínico de cada paciente. “Se houver a necessidade, a gente faz o transporte até a cidade”.

Comentários

Mais acessadas