27 de out de 2009

Granja "brilha muito" na Assembléia!

*imagem/texto extraído do site www.al.ce.gov.br

Dedé quer apuração de fraude na campanha para prefeitura de Granja

O deputado Dedé Teixeira (PT) defendeu, na sessão plenária desta terça-feira (27/10), da Assembleia Legislativa, que seja apurada a acusação de que o PT de Granja teria sido responsável pela falsificação da voz do presidente Luiz Inácio Lula da Silva durante a última campanha eleitoral para a Prefeitura de Granja. A denúncia vem do então candidato Romeu Aldigueri, e do presidente regional do PPS, empresário Alexandre Pereira, que concorria pelo PPS e tinha o PT na chapa como vice. A aliança entre os partidos era inclusive condenada pela executiva estadual do PT.

Romeu Aldigueri chegou a ser expulso do PPS após o deputado Gony Arruda (PSDB) divulgar no plenário da Assembleia Legislativa o áudio de um programa de rádio no qual haveria a citada imitação da voz do presidente Lula pedindo votos para o postulante. Na época, Romeu acusou o atual prefeito de Granja Esmeriro Arruda, que é dono da emissora da rádio retransmissora do programa eleitoral, de ter manipulado a inserção do petista. Agora, a acusação está sendo direcionada ao PT de Granja que, segundo Romeu, estava incumbido da campanha eleitoral.

Dedé Teixeira ressaltou que o presidente do Diretório Estadual do PT, Ilário Marques, já informou que irá provocar o Ministério Público e a Policia Federal para apurar as denúncias de que o PT de Granja seria o responsável pela gravação com a voz do presidente da República.



PT EM GRANJA

Dedé falou sobre carta aberta publicada no jornal Diário do Nordeste, no último sábado (24/10), em que o presidente do Diretório Municipal do Partido dos Trabalhadores (PT) em Granja, Jorge Braga, defende seu partido de supostas acusações sobre a gravação da falsa voz do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, usada pelo candidato a prefeito nas eleições 2008, Romeu Aldigueri. Dedé informou que teve a oportunidade de conversar com os parlamentares da bancada do PT na Assembleia para dizer que o presidente estadual do partido, Ilário Marques, vai cobrar uma apuração fidedigna da questão. “Agora somos vitimas, pois a culpa está sendo direcionada ao partido pela falsificação da voz. Vamos exigir uma apuração”, registrou. Nelson Martins disse que, em momento algum, existiu orientação do partido no sentido de colocar voz de quem quer que seja principalmente do presidente Lula.


GRANJA I

Gony Arruda se solidarizou à bancada do Partido dos Trabalhadores na Casa, por conta das acusações feitas pelo Partido Popular Socialista (PPS) do município de Granja. Segundo ele, o PPS quer colocar a culpa da falsificação da fala do presidente Lula, durante a eleição passada, no PT. “O PPS está sendo covarde em agir dessa forma, e, em reintegrar o responsável pela fraude, o ex-superintendente da Semace”, afirmou cobrando da Polícia Federal uma investigação aprofundada do caso.

GRANJA II

Para o deputado Vasques Landim, Gony Arruda não fica à vontade quando a questão do município de Granja é levantada. O parlamentar republicano indagou se Jorge Braga teria agido da mesma forma se tivesse sido eleito vice-prefeito daquela cidade. Vasques informou que foi distribuída uma carta de repúdio dos filiados do PT, pedindo a expulsão de Jorge Braga do partido. “Quero ser justo, pois o deputado Gony tem a possibilidade de se defender, mas os que estão fora desse Poder não o têm”, enfatizou. O tucano destacou que em uma Carta Aberta publicada no jornal Diário do Nordeste, Jorge afirmou que a publicação da carta aberta ao PPS, foi uma defesa ao partido e orientada pelo Diretório Estadual e agora, numa estranha articulação, o Diretório Municipal pede sua expulsão sem ter ouvido sua defesa.


Fonte: Coordenadoria de Comunicação Social
comunicacao@al.ce.gov.br

Um comentário:

  1. nao consigo entender o que está acontecendo con o partido pt de granja eu acho que que está havendo um racha no parttido e nao entendi porque nao houve eleiçao do diretorio municipal de granja quero saber se vai ter uma diretoria provisória

    ResponderExcluir

Olá!
Agradeço pelo comentário.
Sua participações é importante para nosso trabalho Granja Ceará.
Obrigado!

*Comentários anônimos poderão ser recusados/excluídos. Por isso use sempre nome e e-mail válido para comentar.

Não faça comentários de cunho preconceituoso, respeite os Direitos Humanos.