Ex-prefeito de Senador Sá é acusado de desvio do Fundef

senador sá ceará politica


Segundo o Ministério Público Federal do Ceará (MPF-CE), recursos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (Fundef), na ordem de R$ 60 mil, foram desviados pelo ex-prefeito, Sancho Rodrigues de Oliveira, pela ex-secretária de Educação, Maria de Jesus e Silva, e pelas construtoras Épura Engenharia Ltda e V & J Construções e Engenharia Ltda para outros fins que não a manutenção do ensino fundamental do município de Senador Sá, Região Norte, durante o exercício de 2001 a 2004.


Os recursos do Fundef ao invés de serem aplicados no pagamento de docentes, diretores, vice-diretores, coordenadores e orientadores, em encargos sociais, investimento em cursos profissionalizantes para professores, elaboração de planos de careiras e remuneração para os docentes, foram desviados até mesmo para realização de festas.

Top 5

OPORTUNIDADES: Saiu edital para seleção temporária da prefeitura de Granja/CE

Entidades de direitos humanos se manifestam sobre crise no Ceará

Prefeitura de Granja lança edital para contratação de temporários 2017

VÍDEO: Bancada de oposição votou projeto a favor dos agentes de saúde

LITERATURA: Será lançado nesta quarta-feira o Livro Padre Osvaldo - Coletânea de Sermões