Ataque contra brasileiros no Suriname deixa 14 feridos

SÃO PAULO - Um ataque contra um grupo de 81 brasileiros no Suriname deixou 14 feridos na véspera do Natal. Sete estão em estado grave e uma mulher grávida acabou perdendo o bebê, informou ao estadao.com.br o embaixador brasileiro no país, José Luiz Machado e Costa. Segundo ele, o incidente começou após uma briga entre um brasileiro e um surinamês, que se desentenderam por conta de uma dívida na cidade de Albina.

"Com a morte do morador, cerca de 300 surinameses lançaram um ataque brutal e indiscriminado com facões contra homens, mulheres e crianças que trabalhavam como garimpeiros na região", disse o embaixador.



A grávida, identificada pela Embaixada como Érica, foi transferida para o lado francês do pequeno país de meio milhão de habitantes e não corre risco de morte. Os outros brasileiros vítimas da violência foram realocados para hotéis pelo governo do Suriname, que investiga o episódio. Segundo Costa, o Brasil "não pode duplicar as providências de investigação porque a atitude poderia ser considerada interferência diplomática em assuntos internos."


Ainda de acordo com o embaixador, a Força Aérea Brasileira (FAB) disponibilizou um avião para levar mantimentos e roupas para os brasileiros. "Aqueles que quiserem retornar ao País poderão embarcar no voo", acrescentou. Localizada a cerca de 150 quilômetros da capital Paramaribo, a cidade de Albina possui minas de ouro que emprega brasileiros ilegais.
fonte:http://www.estadao.com.br/internacional/not_int487235,0.htm

Mais sobre o Suriname
http://pt.wikipedia.org/wiki/Suriname

Comentários

Mais acessadas