14 de mar de 2010

Criação de peixe no açude Gangorra

Projeto de criação de peixe volta a funcionar no açude Gangorra depois de 11 meses com os tanques fora d'água. Em reunião, no dia 02 de março, com pescadores e representante da Colônia Z45, a coordenadora do projeto explicou que a paralisação das atividades do projeto se deu por causa do atraso no repasse de recursos junto a ACEG.

Em conversa com o blogue Granja Ceará, Zé Ribamar, presidente da Colônia dos Pescadores de Granja, defende a continuação do projeto, que atualmente conta com 25 tanques de engorda e 5 berçários com capacidade de produzir aproximadamente 24 toneladas de peixe por ano. A Colônia que vem lutando pelos direitos dos pescadores, reclama da falta de investimento por parte do município na criação de peixe, desperdiçando a potencialidade de geração de renda local.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá!
Agradeço pelo comentário.
Sua participações é importante para nosso trabalho Granja Ceará.
Obrigado!

*Comentários anônimos poderão ser recusados/excluídos. Por isso use sempre nome e e-mail válido para comentar.

Não faça comentários de cunho preconceituoso, respeite os Direitos Humanos.