24 de mar de 2010

O povo quer Parazinho emancipado

Lideranças de Parazinho apresentam pedido de emancipação

Vereadores, comerciantes e lideranças comunitárias do distrito de Parazinho, em Granja, apresentaram na tarde desta terça-feira (23/03), à Assembleia Legislativa, o pedido de emancipação da localidade. O vice-presidente da Casa, deputado Gony Arruda (PSDB), recebeu o grupo e afirmou que o distrito de Parazinho reúne condições de se tornar município.

Gony ressaltou que é eleitor de Parazinho e lembrou que a emancipação é uma reivindicação antiga. Ele destacou que a construção da estrada que ligará Granja a Viçosa do Ceará trará desenvolvimento ao novo município. O deputado também apresentou um requerimento de emancipação de Parazinho, ao qual será acrescido o projeto da comunidade.

O presidente da Comissão de Triagem, Elaboração de Propostas e Emancipação de Novos Municípios da Assembleia, Luiz Carlos Mourão, fez uma exposição dos critérios para a criação de municípios e como é feita a análise dos dados. "Em uma primeira análise, Parazinho contempla todas as condições para a emancipação", disse Mourão.

O deputado Sérgio Aguiar (PSB) defendeu a proposta e lembrou que, apesar de ser um distrito de características agrícola, Parazinho tem outras alternativas de renda, como o turismo religioso, que gera um grande fluxo de visitantes. "A criação do novo município vai impulsionar o desenvolvimento da Região", afirmou Sérgio.

Conforme as lideranças comunitárias, Parazinho possui cerca de 8.300 habitantes e tem como pontos fortes da economia a produção de castanha e cera de carnaúba, além do turismo, que tem como atrativos as praias e a Festa de Nossa Senhora do Livramento.

Fonte: Coordenadoria de Comunicação Socia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá!
Agradeço pelo comentário.
Sua participações é importante para nosso trabalho Granja Ceará.
Obrigado!

*Comentários anônimos poderão ser recusados/excluídos. Por isso use sempre nome e e-mail válido para comentar.

Não faça comentários de cunho preconceituoso, respeite os Direitos Humanos.