POPULAÇÃO

Uma população, em ecologia, pode ser definida como um conjunto de indivíduos de uma mesma espécie que vive em uma determinada área em um determinado momento.


Uma população tem seu tamanho alterado constantemente em decorrência de diversos fatores. Ela pode diminuir, por exemplo, em consequência de mortes e migrações e aumentar em decorrência de nascimentos e imigrações. As mortes, nascimentos, migrações e imigrações estão intimamente ligados a fatores como a disponibilidade de alimento, condições ambientais, predadores e a reprodução.

O planeta Terra não é bem distribuído em termos de população.

A demografia é a ciência responsável pelo estudo das populações humanas. É por meio do arcabouço teórico e metodológico desse campo do conhecimento que é possível compreender o perfil e a dinâmica das populações, a forma como elas se modificam e evoluem no tempo e também a sua correlação com o espaço.


Basicamente três aspectos de uma população são analisados pela demografia. O primeiro deles é a sua dimensão, que corresponde ao total de indivíduos que a compõem. O segundo é a maneira como essa população se distribui no espaço. O terceiro é a composição populacional, que diz respeito às características do grupo selecionado. Para o estudo da composição de uma população, são analisados aspectos como a idade, o sexo dos indivíduos, a etnia e a distribuição etária.

Dessa forma, é possível analisar os fatores que interferem no crescimento da população, como ela se movimenta no espaço e as suas mais diferentes dinâmicas. Para isso, fazemos uso de uma série de conceitos e indicadores demográficos, como migração (emigração, imigração, saldo migratório), taxa de fecundidade, taxa de natalidade e taxa de mortalidade.

Teorias demográficas - Como a demografia é uma área de estudo, é interessante você saber que existem algumas teorias sobre esse campo de conhecimento. São elas: Teoria Malthusiana, Neomalthusiana, Reformista/Marxista e Teoria da Transição Demográfica.

População brasileira

Para conhecer a configuração de uma população, cada país possui um órgão responsável por catalogar, cruzar as informações e enviá-las ao governo, pessoas e empresas interessadas. No Brasil, o órgão responsável é o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), que realiza anualmente o censo para conceber dados temáticos da população brasileira.

Apesar de ser um país populoso (população absoluta), o Brasil é pouco povoado (população relativa), pois sua densidade demográfica é de apenas 22,4 habitantes por quilômetro quadrado. Seu território é habitado de forma extremamente desigual – São Paulo é o estado mais populoso, com 41.262.199 habitantes, enquanto Roraima, estado menos populoso, possui 450.479 habitantes. A ocupação populacional nas diferentes Regiões comprova essa concentração desigual no território brasileiro.


  • Nordeste – 53.081.950 habitantes, densidade demográfica de 34,2 hab./ km².
  • Norte – 15.864.454 habitantes, densidade demográfica de 4,1 hab./ km².
  • Sul – 27.386.891 habitantes, densidade demográfica de 47,5 hab./ km².
  • Sudeste – 80.364.410 habitantes, densidade demográfica de 87 hab./ km².
  • Centro-Oeste – 14.058.094 habitantes, densidade demográfica de 8,7 hab./ km².

EXERCÍCIOS



Referências bibliográficas

https://www.biologianet.com/ecologia/populacao-comunidade.htm

https://www.sogeografia.com.br/Conteudos/GeografiaHumana/Populacao/populacao1.php

https://brasilescola.uol.com.br/geografia/conceitos-populacao.htm

https://brasilescola.uol.com.br/geografia/populacao-mundial-1.htm

https://www.stoodi.com.br/blog/geografia/geografia-tudo-sobre-o-conceito-de-populacao-para-o-enem/#Temas_de_analise_do_conceito_de_populacao

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O TERRITÓRIO. O que essa palavra significa?

GEOGRAFIA - ENVIAR ATIVIDADE

Encontrado veiculo usado no assalto a carro-forte